Quarta, 20 de Setembro de 2017
   
Texto

É possível perder 2 centímetros de gordura abdominal em 4 semanas?

É possível perder 2 centímetros de gordura abdominal em 4 semanas?

  • 4 fevereiro 2017
GordurinhasDireito de imagemTHINKSTOCKImage captionO excesso de gordura pode provocar uma série de problemas de saúde

Apesar de não existir um segredo mágico para atacar o excesso de gordura que se acumula na cintura, há fórmulas para reduzir os riscos que os "pneus" acarretam para a saúde, como a diabetes tipo 2 ou complicações cardíacas.

Em um experimento realizado pela equipe do programa Confie em mim, sou médico, da BBC, comprovou-se que uma dieta equilibrada é mais eficaz que a prática de exercícios para eliminar o tecido adiposo excedente.

Mas a recomendação é que a alimentação seja complementada com um pouco de exercícios para manter o tônus muscular.

Mas quanto podemos comer para que nosso corpo comece a perceber uma mudança?

Os nutricionistas aconselham que uma pessoa deve consumir 500 calorias a menos do que o corpo requer diariamente para perder cerca de meio quilo em sete dias. Esse cálculo varia dependendo de cada um, mas o gráfico abaixo traz a relação entre o peso que se espera perder e o número de calorias eliminadas da dieta diária.

GráficoDireito de imagemBBC MUNDO

Ao adotar essa variável em um grupo de voluntários, o resultado mostrou que, na média, houve uma redução de tamanho da cintura de 2,5 centímetros em quatro semanas.

Essa média demonstra que algumas pessoas conseguiram eliminar mais gordura, enquanto outros não alcançaram o resultado esperado, apesar de terem diminuído o consumo de calorias.

MulherDireito de imagemTHINKSTOCKImage captionNem todas as pessoas conseguem reduzir o tamanho da cintura, mas todas são beneficiadas com a redução de calorias

Isso não quer dizer que não se possa produzir uma aceleração desse processo depois das quatro semanas, mas, seja qual for o caso, é importante notar que, na medida em que se perde peso, é necessário voltar a calcular a quantidade de calorias que o corpo necessita diariamente.

Ao fazer isso, será mais fácil manter o ritmo de perda de quase meio quilo (0,45 kg) a cada semana em que se consome 500 calorias menos do que o corpo precisa todos os dias.

A dieta que funcionou

AlimentosDireito de imagemTHINKSTOCKImage captionA dieta foi mais eficaz que a prática de exercício, mas a recomendação é aliar os dois

Cada voluntário recebeu uma dieta baseada nas recomendações dos nutricionistas. Para controlar a quantidade de calorias, o tamanho das porções foi limitado, assim como a quantidade de açúcar e gordura dos alimentos.

Em geral, as pessoas puderam comer os alimentos que consomem normalmente, mas em quantidades menores.

O tamanho das porções foi calculado a partir do tamanho das mãos de cada um. A meta era que cada um comesse três porções de carboidratos do tamanho do punho, duas palmas de proteínas magras, duas mãos de vegetais ou saladas, dois punhos de fruta e duas porções de azeite ou manteiga que cubra a ponta do polegar.

Além disso, era permitida a ingestão de 200ml de leite desnatado ou dois potes de iogurte natural ou baixo em calorias de 125 gramas cada.

Fonte: BBC Brasil

Curta nosso Face!